terça-feira, 29 de abril de 2008

Petição pela Linha do Tua VIVA


Como tenho mostrado pelas fotografias recentes neste Blog, a Linha do Tua é um dos locais mais bonitos de se percorrer no Nordeste Trasmontano. A par disso, é uma importante obra de engenharia feita por aqueles que acreditaram que os que cá viviam, também tinham direitos. Para algumas aldeias ao longo da linha é ainda o meio de transporte mais prático e económico.
Os movimentos a favor da manutenção da linha (contra a barragem), são muitas vezes acusados de nem saberem onde fica o Tua, de serem estrangeiros. Os que vivemos aqui, e que queremos continuar a viver, também somos capazes de imaginar outro tipo de desenvolvimento, sem destruição do nosso património e sem esvaziamento da região de quase tudo o que foi conquistando com muito esforço. Apregoa-se o desenvolvimento à custa da desertificação, do encerramento, da entrega das poucas coisas valiosas que temos aos grandes interesses económicos.
Os próprios autarcas estão "tão convencidos" das vantagens da construção da barragem, que na reunião que tiveram em Carrazeda de Ansiães a meados de Abril, quando pensavam discutir as contrapartidas a pedir, decidiram criar uma comissão para o estudo do desenvolvimento da região, aceitando como possível a manutenção da Linha do Tua como factor de potencial desenvolvimento.
Aconselho a leitura da Petição pela Linha do Tua neste endereço, e a assinarem-na, como forma de empenhamento na defesa de um património que é nosso, mas que queremos deixar às gerações futuras.

Mais informação aqui:
http://www.alinhadotua.com
http://www.linhadotua.net

2 comentários:

Anónimo disse...

perguntem aos habitantes de Foscoa, se ainda preferem as gravuras à barragem.

Xo_oX disse...

É caso para perguntar: Com a barragem do Pocinho ali tão perto, porque precisam de outra? Se as barragens geram tanto desenvolvimento, uma só não basta para um concelho tão pequeno? Em Foz Côa, tal como noutros lugares, não basta não destruir é necessário investir. A Linha do Tua também necessita de investimentos e sobretudo de promoção (e organização). O que contam as pessoas que nestes dias se têm deslocado à região para fazerem o percurso, só falam barbaridades da exploração da linha e sei que têm razão. A Metro e a CP, não se organizam e quem fica a perder é a Linha e a região. Admite-se transportar passageiros até na mala do taxi da Brunheda ao Tua?!!!

Obrigado por teres visitado o meu blogue e volta sempre.